segunda-feira, 22, julho 2024
spot_img
HomeBrasilDinheiro esquecido em bancos | Problemas ao resgatar valores? Confira os principais...

Dinheiro esquecido em bancos | Problemas ao resgatar valores? Confira os principais erros e soluções

Nesta segunda (7) começaram a ser disponibilizados pelo Banco Central R$ 4 bilhões que estavam esquecidos pelos brasileiros.

Para conseguir transferir o dinheiro é preciso ter conta no sistema Gov.br e um nível de segurança prata ou ouro nesse cadastro. Assim que abre a conta, o usuário ganha o nível bronze.

É possível aumentar o nível pelo computador ou celular, utilizando o site ou o aplicativo Gov.br. As duas principais maneiras de fazer isso são usar a ferramenta de reconhecimento facial pelo celular ou fazer o login por meio de uma das sete instituições financeiras cadastradas no sistema -Banco do Brasil, Banrisul, Bradesco, BRB, Caixa, Santander e Sicoob.

Há relatos de pessoas que tiveram dificuldades para conseguir atualizar esse cadastro. Abaixo, veja dúvidas e falhas que podem ocorrer e como resolvê-las.

O QUE FAZER SE O APLICATIVO GOV.BR NÃO FUNCIONA

• Falhas no reconhecimento facial

O reconhecimento facial pode ser feito se o usuário tiver sua imagem registrada na base da CNH (Carteira Nacional de Habilitação), vinculada à Senatran (Secretaria Nacional de Trânsito) ou do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), por meio da Identificação Civil Nacional.

Se optar pela base da CNH, o usuário pode alcançar o nível prata, enquanto a base do TSE garante o nível ouro.

Quem tem um certificado digital do ICP (Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileiras) também consegue fazer o login com ele e obter o nível ouro.

Segundo a SGD (Secretaria de Governo Digital) do Ministério da Economia, o reconhecimento facial pode ser afetado pelas condições de luminosidade e pelo excesso de informações visuais no ambiente em que o usuário está.

Outro possível problema para o reconhecimento é se o usuário estiver com uma aparência muito distinta da imagem presente na base de dados.

Tente melhorar a iluminação e ir para um local com fundo neutro. Se isso não resolver o problema, tente outra forma de autenticação, como por meio das instituições financeiras cadastradas.

• Código de acesso do banco não chega

Cheque se o aplicativo do banco não está impedido de enviar mensagens para o seu número.

O bloqueio dessa função impede o envio do SMS com o código numérico, que libera o login.

• O sistema gov.br demora para carregar ou não carrega

Segundo a SGD, o sistema ficou mais lento do que o padrão nesta segunda, devido à alta procura, mas não apresentou instabilidade. Continue tentando.

• O botão “acessar meu valores a receber” não funciona

Para algumas pessoas, o botão “Acessar meus valores a receber”, ainda no site do Banco Central, etapa que direciona o usuário ao sistema Gov.br, apresentou falha.

De acordo com o Banco Central, o problema de comunicação entre os sistemas foi temporário e está corrigido.

PERGUNTAS E RESPOSTAS

Como funciona o Sistema Valores a Receber?

Pensando em ajudar o brasileiro a recuperar os valores que foram “esquecidos” em bancos, o Banco Central lançou em janeiro o Sistema Valores a Receber (SVR). Mas, devido à quantidade de pessoas acessando a plataforma, foi necessário criar uma nova estrutura e página para consulta.

Quem poderá receber os valores esquecidos?
Sabe aqueles trocados esquecidos em uma conta que você fechou ou não usa há algum tempo, ou ainda uma cobrança indevida que nunca foi devolvida? Esses são exemplos de valores a receber.

Quem estiver entre esses exemplos, é provável que tenha reembolso, mesmo se a pessoa for falecida. Neste último caso, o Banco Central ainda analisa a possibilidade de resgate por herdeiros.

Quando é feito o pagamento do SVR? E por onde?

Depois de acessar a página oficial do serviço (https://valoresareceber.bcb.gov.br) lembre-se de salvar a data que aparecerá para quem tem algum valor a receber.

Retorne depois nos dias estipulados, use o seu login do gov.br para acessar o sistema, confira o valor e clique em solicitar transferência.

O pagamento é feito por Pix. Ao pedir o resgate dos valores a receber, coloque a sua chave cadastrada para transferência.

Lembre-se de não enviar seus dados pessoais para pessoas suspeitas ou que se apresentam como atendentes de um banco. Se necessário, vá até a instituição financeira e confira o que está acontecendo.

Desconfie de envios de links e URLs suspeitas. O site oficial para consulta é: https://valoresareceber.bcb.gov.br/

RELATED ARTICLES
- Publicidade -
Google search engine

Most Popular

Recent Comments