terça-feira, 21, maio 2024
spot_img
HomeUncategorizedGanhar FLAxFLU não é normal, e o Flamengo é TRI!

Ganhar FLAxFLU não é normal, e o Flamengo é TRI!

 


    Na noite de ontem (22), no estádio do Maracanã foi disputada a segunda partida da final do Campeonato Carioca 2021, o estadual foi decidido com o clássico mais charmoso do Brasil FLAxFLU foi a decisão de ontem, com um placar agregado de 4×2 para o Flamengo, sendo 1×1 na ida e 3×1 na volta. Com esse resultado, o rubro-negro conquistou seu terceiro título carioca seguido, isso acontece pela sexta vez em sua história.

    O jogo foi pegado, ninguém dava nada de graça, nem tiravam pé de dividida. O primeiro tempo foi um desastre pro tricolor, não conseguiu jogar, não chutou uma vez ao gol e viu o rival chutar oito vezes á meta do goleiro Marcos Felipe. A primeira etapa se encerrou com um resultado bem encaminhado para o título do Flamengo, 2×0 no placar com direito a um pênalti cometido pelo goleiro tricolor em cima de Gabriel Barbosa, que como de costume, não perde pênalti. O segundo gol veio dois minutos depois, o Flamengo apertou a saída de bola do Fluminense, que sentiu o gol, e mais uma vez “Gabigol” fez jus ao apelido, e marcou o segundo para o rubro-negro.

    Nos túneis para os vestiários, o próprio Gabriel tomou uma senhora bronca do capitão Diego Ribas, após o atacante ter provocado o banco de reservas do tricolor. Diego engrossou a voz e lembrou o atacante que teria muito tempo de jogo, que não era  hora de brincadeira, fez seu papel de capitão.

    O segundo tempo foi muito melhor, o Fluminense entrou no jogo e foi pra cima do Flamengo, pois precisava no mínimo empatar a partida para levá-la aos pênaltis. Foi com um pênalti de Rodrigo Caio aos sete minutos do segundo tempo que deu a oportunidade de Fred descontar para o Fluzão, e anotou o primeiro do tricolor. A partir daí o jogo vira uma panela de pressão, mas com uma falha de Marcos Felipe, João Gomes fechou o caixão e deu o título ao Flamengo.

    A arbitragem foi boa em quase o jogo inteiro, só questionaria o pênalti de Rodrigo Caio, pois na minha interpretação era lance para cartão amarelo, o que mandaria o zagueiro pro chuveiro mais cedo, mas o árbitro não entendeu dessa forma, pelo contrário, só marcou o pênalti porque o VAR chamou ele na beira do campo para ver o lance novamente.

    O técnico Rogério Ceni conquistou seu quarto título em seis meses como treinador do rubro-negro, mas a perfeição não foi atingida pelo ex-goleiro. Há o questionamento sobre suas mudanças no decorrer do jogo, com a partida longe de ser resolvida, Fluminense pressionando pelo segundo gol (que levaria a decisão para os pênaltis), Rogério resolveu tirar Gabigol, Diego, Arrascaeta e Gerson, quatro cobradores de pênalti, que poderiam ter feito falta se a decisão fosse para os pênaltis, coisa que não aconteceu por uma falha do goleiro tricolor. Fora isso, o treinador é inquestionável no comando do Flamengo.

    Na história do campeonato carioca, houveram onze decisões entre Flamengo e Fluminense. O tricolor das Laranjeiras venceu cinco troféus em cima do rival, enquanto o Flamengo desempatou ontem esse placar, contando com seis troféus em cima do Fluminense.

RELATED ARTICLES
- Publicidade -
Google search engine

Most Popular

Recent Comments