segunda-feira, 4, março 2024
spot_img
HomeUncategorizedBrasil amassa a retranca equatoriana

Brasil amassa a retranca equatoriana

Foto: Twitter.com/CBF_Futebol

    A nossa seleção voltou á campo após 200 dias, esse buraco no calendário das seleções é uma das consequências da pandemia da covid-19. Mas na noite de ontem (04) a Seleção Brasileira enfrentou a seleção do Equador em casa, no estádio Beira-Rio/RS, e venceu por 2×0.

    O time titular chegou com mudanças, como Gabigol no ataque, Fred e Lucas Paquetá no meio, e Militão na zaga. As equipes começaram a partida e logo de cara vimos o que cada seleção queria para a partida, o Brasil precisava do resultado pois jogava em casa, e o Equador se defender e levar pelo menos um ponto pra casa, por isso jogou na retranca.

    O atacante Gabriel Barbosa “Gabigol” foi muito pedido como “9” do Brasil, e Tite deu a ele essa oportunidade, mas o atacante do Flamengo não aproveitou a chance. Perdendo gols que não costuma perder, errando passes que não costuma errar, a titularidade pode ter pesado para o atacante, mas ele fez um gol que abriria o placar no fim do primeiro tempo, mas estava impedido.

    O goleiro Alisson deixou a desejar, mesmo muito pouco acionado pelo ataque equatoriano, o goleiro do Liverpool deu umas “ensaboadas” na luva no segundo tempo, o que deixa a dúvida no torcedor ainda maior quanto a titularidade do goleiro, pois no banco de reservas tínhamos o goleiro vice campeão da Champions League, Ederson; e o melhor goleiro da América atualmente, campeão da Copa do Brasil e da Libertadores como protagonista, Weverton; mas o titular segue sendo o Alisson, goleiro do Liverpool em baixa. Mas o treinador de goleiros Cláudio Taffarel (jogou pouca bola e ganhou pouca coisa né?) é quem manda  na posição, e acredito que nosso goleiro do tetra tenha uma bagagem muito boa pra fazer isso.

    O geral da  Seleção na partida de ontem foi muito bom, apesar da falta de ritmo entre os atletas, foi um jogo muito disputado, muito brigado e com vontade de vencer. O atacante Richarlison é a prova dessa luta, não é o melhor atacante tecnicamente da seleção, mas sempre corre muito, suja o uniforme, e o melhor, faz o seu gol, o que deixa uma pulga atrás da orelha da comissão técnica, e vai ganhando pontos para chegar na Copa do Mundo do ano que vem. Neymar é outro que sempre se destaca, o gênio da seleção é um absurdo jogando futebol, destoa de todos os jogadores em campo com sua habilidade e visão de jogo, guardou o dele de pênalti no fim do jogo, mas sem dúvidas foi o melhor em campo ontem.

    A Seleção Brasileira segue com 100% de aproveitamento nas eliminatórias, com seis jogos e seis vitórias, 14 gols marcados e apenas 2 gols sofridos, ao que tudo indica, pode ser uma das melhores eliminatórias de todos os tempos, superando a última que foi a melhor campanha da história da seleção.

    Nossa seleção volta á campo na próxima terça-feira (08) pelas eliminatórias para a Copa do Mundo diante do Paraguai, fora de casa, jogo será ás 21h30 (Brasília) e terá transmissão da Rede Globo para todo o Brasil.

    PRA CIMA DELES BRASIL! 


Estatísticas da partida:

Foto: Twitter.com/CBF_Futebol

Foto: Twitter.com/CBF_Futebol


RELATED ARTICLES
- Publicidade -
Google search engine

Most Popular

Recent Comments